Notícias Diocesanas › 31/07/2017

Festa do Senhor Bom Jesus dos Castores

CASTORES 2017Por: Paulo Castro

Fiéis de toda a nossa região se preparam para a maior e mais tradicional peregrinação do Noroeste Paulista: a caminhada rumo ao Santuário Diocesano do Senhor Bom Jesus dos Castores, em Onda Verde, SP.

O evento que, neste ano, completa 108 anos, reúne milhares de fiéis que desafiam o cansaço e as limitações físicas para expressar a fé no Bom Jesus, pagando promessas e fazendo pedidos e agradecimentos. O trajeto principal da caminhada, realizada no dia 05 de agosto, é a BR 153. Só no trecho entre São José do Rio Preto e o trevo de acesso ao santuário, em Onda Verde, são 23 km.

A caminhada é longa e cansativa, mas por fé e amor, os peregrinos fazem valer a pena. “Todos os anos venho para agradecer a Deus pelo dom da vida, o dom do amor. É um sacrifício pouco por tudo o que ele fez por nós”, diz o professor Antônio Fernandes.

Os que fazem a rota rumo ao santuário contam com uma ajudinha extra. Barracas montadas por devotos ao longo dos 23 km de rodovia servem água, refrigerante, caldo, lanche… O valor? A gratuidade! A gratuidade de quem oferece e de quem recebe uma forcinha na árdua jornada.

A cada ano a Festa do Senhor Bom Jesus dos Castores apresenta um tema a ser meditado nos dez dias de celebração marcados por missas, atendimento de confissões e orações… muitas orações! Neste ano, no contexto do Ano Nacional Mariano que a Igreja no Brasil celebra em comemoração aos 300 anos do encontro da imagem de Nossa Senhora Aparecida, o tema é “Ó Mãe de Misericórdia, lembrai-nos sempre das dores de vosso filho Jesus Cristo”.

O ponto alto de toda a festa é o dia do Senhor Bom Jesus, 6 de agosto, após os nove dias da novena que serve de preparação. Dom Tomé Ferreira da Silva, bispo diocesano de São José do Rio Preto, preside à 0h00 do dia 06 a primeira missa do dia diante de uma multidão de fiéis. A celebração eucarística, que segue a liturgia da Transfiguração do Senhor, é celebrada num palco montado ao lado do santuário já que a igrejinha fica pequena para a grande quantidade de devotos. Emocionante e comovente é a reflexão feita pelo bispo em sua homilia acerca dos últimos sofrimentos de Jesus.

A partir da primeira missa, padres se revezam para presidir as demais celebrações de duas em duas horas no santuário até às 17h00, quando Dom Tomé retorna para conduzir a tradicional procissão até o trevo da vila, onde está a grande estátua do Bom Jesus, e, logo em seguida, na volta, presidir, mais uma vez, no palco, a missa solene de encerramento da festa.

Ao longo da madrugada e durante todo o dia a igreja permanece aberta para os fiéis fazerem suas orações, pedidos e agradecimentos. Padres também ficam à disposição para atender confissões daqueles que desejarem. Na missa das 10h00, o manto da imagem do Bom Jesus é trocado, numa cerimônia que também já se tornou tradição.

Tudo isso, expressão da fé, do amor e da devoção para com aquele que, manso, humilde e obediente, sofreu e morreu pela humanidade: o Senhor Bom Jesus!

Peregrinação
A caminhada começa por volta das 18h00
e é realizada num trecho de mais de 20 km da BR 153 que os peregrinos percorrem num tempo médio de 5 horas até serem recepcionados pela grande imagem do Senhor Bom Jesus com as mãos atadas a um caniço na entrada do povoado dos Castores.

A solene celebração eucarística presidida por Dom Tomé à meia-noite do domingo coroa os mais de 20 km percorridos com muita fé e devoção. No domingo, dia 06, quando se encerra o ciclo de atividades, estão marcadas várias celebrações religiosas durante o dia.

Devido à intensa movimentação na BR, a Polícia Rodoviária Federal, que durante a peregrinação monta um esquema especial para fazer o monitoramento do trânsito e garantir a segurança dos devotos, orienta que os motoristas redobrem a atenção.

Neste ano, a organização do evento espera um público de aproximadamente 80 mil pessoas.

História
“A festa começou com coisa simples, com oração, terços. Alcançando a graça isso começou a propagar e todos começaram a fazer peregrinação para este local”, diz o padre e reitor do santuário, Alexandre Ferreira dos Santos.

De fato, segundo historiadores, tudo começou por volta de 1900 com as visões tidas por Tomé Correia de Paiva em um altar que tinha em sua casa: a imagem do Senhor Bom Jesus dos Castores colocada ali, lhe aparecida envolta em luz. As visões foram interpretadas como um sinal para que fosse construída uma igreja dedicada ao Bom Jesus.

Com a doação do terreno para a igreja, Tomé deu também a permissão para a construção de casas no local. Assim, nascia o povoado de Castores, fortemente marcado pela religiosidade do povo.

Programação Religiosa

NOVENA | 28 de Julho a 05 de Agosto

28/07 - Missa e Novena às 20h | Pe. Luis Rogério Morelli
29/07 - 18h30 Carreata com saída da Praça de Onda Verde | Missa e Novena às 20h - Pe. Gonzaga
30/07 - 09h Bênção dos Ciclistas | Missa e Novena às 20h - Pe. Irineu Vendrami
31/07 - Missa e Novena às 20h | Pe. José Carlos Siqueira
01/08 - Missa e Novena às 20h | Pe. Luiz Caputo
02/08 - Missa e Novena às 20h | Pe. Alexandre Andrade
03/08 - Missa e Novena às 20h | Pe. Octávio Berti
04/08 - Missa e Novena às 20h | Pe. José Carlos Santos
05/08 - Missa e Novena às 20h | Pe. Leonel Brabo - Missa e Novena às 22h | Pe. Anderson Campos

06 de Agosto – Dia do Padroeiro

0h – Missa presidida por Dom Tomé
02h – Padre Rafael Dalben Ferrarez
04h – Padre Rivaldo Celson
06h – Padre Rodrigo
08h – Padre Irineu Vendrami
10h – Missa da troca do manto - Padre Carlos Nascimento
12h – Padre Mauro
14h – Padre Aldenir Rodrigues
15h30 – Padre Fábio Dungue
17h – Missa com procissão - Dom Tomé

Batizados
Dia 30 de julho, domingo, às 10h30. Os interessados entrar em contato com a secretaria paroquial de Onda Verde.
Mais informações pelo fone (17) 3268-1119.

Quermesse
Sábado, 05/08 a partir das 20h
Domingo, 06/08 durante todo o dia

Leilão de Gado
06 de Agosto, às 18h, ao lado do salão de festas do Santuário Diocesano.
Doações com Tuquinha (17) 99141-8451

Addthis Facebook Twitter Google+ PDF Online

Deixe o seu comentário

Você deverá estar conectado para publicar um comentário.