Fotos › 20/10/2017

Solenidade de Nossa Senhora Mãe Rainha de Schoenstatt

Foi celebrada, em 15 de Outubro, pela Diocese de São José do Rio Preto, a festa em honra à Nossa Senhora Mãe Rainha e Vencedora Três Vezes Admirável de Schoenstatt. A devoção à Nossa Senhora de Schoenstatt surgiu em 1914, quando em 18 de outubro, o padre José Kentenich, ao fazer uma palestra aos alunos do Seminário em Schoenstatt, na Alemanha, inspirado por Deus, fez um convite para rezarem, se consagrarem à Maria e oferecer-lhe sacrifícios, especialmente pela auto-educação, para que a capelinha da Congregação, então consagrada a São Miguel, se tornasse um Santuário de graças, núcleo de um movimento de renovação que se espalhasse por todo o mundo. A capelinha deveria tornar-se, assim, um local de manifestação das glórias de Nossa Senhora, especialmente de sua ação como Educadora. O objetivo é a educação de um homem novo e a construção de uma nova sociedade.A imagem de Maria colocada na capelinha de São Miguel, que se tornou santuário mariano, é cópia do quadro original pintado por Crosio, um pintor italiano do século XIX. Em 1915, ela recebeu o nome de “Mãe Três Vezes Admirável”. No decorrer da história o título se ampliou para “Mãe, Rainha e Vencedora Três Vezes Admirável de Schoenstatt”, mais conhecida no Brasil como: “Mãe e Rainha”. Réplicas dessa capelinha percorrem as casas dos fiéis e muitos têm sido os relatos de graças recebidas pelos que as recebem em seus lares ou peregrinam aos santuários dedicados à Nossa Senhora de Schoenstatt, que então se espalharam pelo mundo inteiro.

Na diocese de São José do Rio Preto já há muitos anos vem sendo difundida a devoção à “Mãe Rainha”, muitas casas e famílias são visitadas pela pequena capela contendo a imagem de Nossa Senhora. Essa vivência foi coroada com uma solene missa e concentração com todas as comunidades que tem o Movimento da Mãe Rainha, no Distrito de Engenheiro Balduino, pertencente à Paroquia do Senhor Bom Jesus, no município de Monte Aprazível. A grande concentração teve seu ápice em uma solene Missa presidida pelo senhor Bispo Diocesano Dom Tomé Ferreira da Silva e concelebrada por Dom Moacir Aparecido de Freitas, Bispo da Diocese de Votuporanga, pelo Padre Rivaldo, assessor espiritual do Movimento da Mãe Rainha na diocese, Padre Francisco Rodrigues, pároco local, Padre Carlos Nascimento da paroquia de Nossa Senhora de Fátima de Monte Aprazível e o Diácono Permanente Antônio Firmino da cidade de Bady Bassit. No inicio da celebração entraram em procissão todas as comunidades trazendo em mãos a pequena capela da Mãe Rainha, ocupando seus lugares e em seguida a procissão de entrada da missa.

Dom Tomé em sua homilia enfatizou para todos a importância do “ser missionários” como foi Nossa Senhora, incentivando o movimento e a todos a irem ao encontro daqueles e daquelas que estão afastados, fazerem grupos nas casas dos que, por um motivo ou outro, se afastaram da graça de Deus e da Igreja e completou dizendo que “a Mãe Rainha os acompanhará e estará sempre ao vosso lado os animando e dando força na missão”..

Após a comunhão Dom Tomé pediu a Dom Moacir que dirigisse umas palavras a todos os presentes, pois também ali tinham algumas pessoas da diocese de Votuporanga. Dom Moacir, com muito carinho e simplicidade, acolheu a todos e os incentivou a continuarem a caminhada com Maria, a Mãe de Jesus. Também o Padre Rivaldo, assessor espiritual do movimento na diocese, fez uso da palavra agradecendo a Dom Tomé e a todos do movimento pela presença e pelo trabalho realizado, dando-lhes também incentivo e se colocando à disposição do movimento e de cada um para o serviço. Por último falou o Padre Francisco Rodrigues , que como pároco agradeceu a presença dos senhores bispos, padres e diácono; fez um agradecimento especial a todos do movimento da Mãe Rainha pela escolha da comunidade de Nossa Senhora das Graças, de Engenheiro Balduino, para celebrarem esse bonito momento. Dirigiu, ainda, um agradecimento especial a todas as comunidades e movimentos pertencentes à Paroquia do Senhor Bom Jesus pelo trabalho realizado para que aquele momento pudesse acontecer.

A coordenadora diocesana do Movimento da Mãe Rainha, a Senhora Nanci, também fez uso da Palavra externando seu agradecimento e carinho a todos e todas ali presentes, salientando que essa missa era a 20 a ser celebrada com todos aqueles e aquelas que pertencem ao Movimento da Mãe Rainha. Dona Nanci também anunciou que a próxima Missa da Mãe Rainha será também em outubro de 2018 na Paróquia de São José, no município de Adolfo. Sendo anunciado o local, o responsável pelo movimento na cidade de Adolfo em nome do Pároco Vicente, que não estava presente acolheu a todos e todas desejando boas-vindas para o próximo ano.

Ao término da santa missa, foi servido um lanche para todos e todas ali presentes.
Que Nossa Senhora Mãe, Rainha e Vencedora Três Vezes Admirável de Schoenstatt, abençoe e proteja a todos e todas e incentive cada vez mais a vivência do discipulado e da missão.

Pe. Carlos Eduardo Nascimento
Paróquia Nossa Senhora de Fátima | Monte Aprazível
Fotos: Marcos Freitas



Deixe o seu comentário

Você deverá estar conectado para publicar um comentário.