Fotos › 06/09/2016

XVII Congresso Eucarístico Nacional

Padre Jamil Serafim, da cidade de Tanabi, paróquia São João Batista e São Cristovão, concedeu entrevista ao Jornal Diocese hoje e falou de sua experiência vivificante nesses dias de estudo e oração.

1)      Qual a importância do XVII Congresso Eucarístico Nacional para o Brasil em especial para a Amazônia?
            A Igreja vive da Eucaristia, por isso é de suma importância, o congresso para o Brasil, tão dividido e cheio de crise, buscar a unidade e a comunhão na força da Eucaristia. Eucaristia é ação de graças, celebrando 400 anos de fundação de Belém, muito oportuno, agradecer os quatro séculos de evangelização na Amazônia, com toda sua beleza e desafios.

2)      Segundo o senhor, qual foi o ponto marcante do Congresso?
            Difícil falar em ponto marcante, pois foram vários pontos muitos positivos: dentre eles a bela organização, lindas celebrações, simpósio teológico de alto nível, vigílias eucarísticas, adoração à noite toda e confissões na Basílica de Nossa Senhora de Nazaré. E ainda a caravana da Fé, formada por Bispos, Padres e fiéis, junto com JESUS Eucarístico, lotaram um navio da Marinha do Brasil, saindo de Manaus, foi descendo rio abaixo, fazendo paradas e diversas celebrações em todas as dioceses às margens dos grandes Rios da Amazônia. Dia 17/08, às 17h, o navio aportou no Portal da Amazônia, houve momentos de adoração e Benção com o Santíssimo. Destaco ainda as grandes celebrações no Estádio Olímpico do Mangueirão.

3)      Quais as repercussões sociais para a Amazônia são esperadas do Congresso?
            A presença de representantes de todo o Brasil, ofereceu oportunidade de VER e SENTIR de perto a Amazônia, com sua beleza cultural e ambiental, a força e a fé de seu povo, e a urgência de preservação.

4)      Que elementos de Espiritualidade Eucarística ficam como herança do Congresso Eucarístico Nacional?
            Maior atenção ao Santíssimo Sacramento. Maior participação na Santa Missa, onde recebemos a força de Deus vivo, para enfrentar, superar os desafios, e preservar a Amazônia. Urgência de rezar pelas vocações, para que o povo tenha a Celebração Eucarística todos os domingos.

foto-congresso-eucaristico-nacional



Deixe o seu comentário

Você deverá estar conectado para publicar um comentário.