Igreja no Mundo › 07/11/2018

Primeiro Observatório de Bioética

O objetivo é reunir dados coletados para contribuir com os debates da sociedade.

Elisa Ventura – Cidade do Vaticano 

A igreja do Brasil lança nesta quarta-feira, no Rio Grande do Sul, o primeiro Observatório de Bioética, organizado pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), para promover pesquisas com temas ligados à vida, em parceria com universidades e outras entidades gaúchas. O lançamento será realizado às 19h, no auditório da Casa de Retiros, em Passo Fundo, no Rio Grande do Sul.

Entre os assuntos a serem abordados pelo observatório estão o aborto, manipulação genética e experimentação com fetos. O mapeamento da vulnerabilidade humana será a partir de três eixos: início da vida, final da vida e políticas públicas. O objetivo é reunir dados coletados por meio de pesquisas científicas, que contribuam com os debates da sociedade, como a Audiência Pública promovida pelo Supremo Tribunal Federal, em agosto deste ano, sobre a descriminalização do aborto.

Segundo o bispo da Diocese do Rio Grande do Sul e idealizador do Observatório, Dom Ricardo Hoepers, a iniciativa vai possibilitar a ampliação das pesquisas que são realizadas atualmente ao promover novas demandas e novas metodologias. Além das universidades, a intenção é expandir a participação também da área social, por meio da Pastoral Familiar.

 

Fonte: Vatican News

Addthis Facebook Twitter Google+ PDF Online

Deixe o seu comentário

Você deverá estar conectado para publicar um comentário.