Acidentes causam cinco mortes na região

Reprodução/Internet | Rulian Henrique Borges de Freitas capotou o carro na BR

Quatro casos foram na BR em 2 acidentes; o quinto foi na Feliciano Sales Cunha

Cinco mortes em três acidentes de trânsito foram registradas nos últimos três dias em duas rodovias da região de Rio Preto, BR-153 e Feliciano Sales Cunha. No sábado, 23, três pessoas da mesma família, que seguiam para um casamento, morreram. Em outros dois acidentes, na madrugada e na tarde de segunda, 25, dois jovens, de 21 e 24 anos, morreram após capotamentos.

No primeiro caso, no sábado, Romildo Garcia, a sobrinha Arlete Castilho e a filha dela, Paula Castilho, estavam a caminho de um casamento em Nova Granada. Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o carro dirigido por Romildo foi atingido na transversal por um caminhão carregado por rocha brita, no quilômetro 27 da rodovia BR-153, em Nova Granada.

Após a colisão, o caminhão acabou tombando no canteiro lateral da rodovia e a carga ficou espalhada pelo acostamento, o que causou interrupção parcial do tráfego. O motorista do caminhão, de 50 anos, foi encaminhado para o Hospital de Base de Rio Preto, mas foi liberado no domingo. Outra passageira do carro, de 81 anos, permanece internada do mesmo hospital, com estado de saúde estável.

Os corpos de Arlete e Paula foram sepultados domingo, 24, no cemitério de Palestina. O corpo de Romildo foi cremado, depois suas cinzas foram depositadas no túmulo da família, no mesmo cemitério.

Na madrugada de segunda, outro acidente na BR-153 com vítima. O motorista Rulian Henrique Bogaz de Freitas, 21 anos, morreu após o carro que dirigia capotar em Rio Preto. Segundo a PRF, há suspeita de que Rulian estivesse sem cinto de segurança, porque seu corpo foi encontrado fora do veículo. Uma lata de cerveja foi encontrada próximo ao local do capotamento, mas apenas após o laudo do Instituto Médico Legal (IML) será possível descobrir se o motorista tinha bebido antes de dirigir.

O terceiro acidente foi na tarde desta segunda, na rodovia Feliciano Sales Cunha, em Nhandeara. Um carro com dois rapazes, de 23 e 24 anos, capotou e caiu em cima de uma colmeia de abelhas africanas.

Segundo a Polícia Rodoviária Estadual, o motorista do carro, Lucas Fernando Agostinho da Silva, 24, chegou a ser socorrido por Bombeiros de Votuporanga, mas morreu antes de chegar ao pronto-socorro de Nhandeara. O passageiro, seu cunhado, foi socorrido com ferimentos leves. Ambos foram atacados pelas abelhas após o acidente. O corpo de Lucas Agostinho será sepultado nesta terça-feira, 26, em Magda, sua cidade natal.

Serão abertos inquéritos policiais para apurar as causas dos três acidentes.

(Colaborou Luciano Ramos)

Fonte: Diário da Região

Addthis Facebook Twitter Google+ PDF Online

Deixe o seu comentário

Você deverá estar conectado para publicar um comentário.