Paróquia Nossa Senhora Aparecida

Paróquia Nossa Senhora Aparecida



Matriz
Domingo às 8h30 e 19h30

Capela
Capela Santos Reis – Sábados às 17h

*Celebrações
Quarta-feira às 19h30
Quinta-feira às 15h (Adoração) e 19h30 (Celebração da Palavra)

Atendimento da Secretaria
De segunda à sexta-feira das 8h às 11h e das 13h às 17h
Sábado das 8h às 11h30

Confissões
Marcar na secretaria

Batizado
2º e 4º domingo do mês às 8h30

Bispo fundador: Dom Lafayete Libâno
Nome do primeiro pároco efetivo: Pe. Antônio Luís Castanheiro (23.11.1931)
Data do início da construção do primeiro templo: 1904 Capela de Barro
Data da inauguração do primeiro templo:
Data da demolição do primeiro templo:
Data do início da construção do templo atual: 1917/ 1918 – Construção da Igreja de Tijolos
Data da inauguração do templo atual: 24.12.1931
Checar no LIVRO DO TOMBO o nome de todos os párocos nomeados para a Paróquia (se possível com data de posse):

23.11.1931 – Antônio Luís Castanheiras – Primeiro Vigário.

18.12.1932 – Saturnino Conceição – Segundo Vigário.

20.09.1936 – João Filho – Terceiro Vigário, permaneceu 14 meses pós a sua saída.

A Paróquia ficou sem vigário em 04.01.1938, neste período ficou anexada a Paróquia de Neves Paulista.

31.12.1941 – Humberto Lindelumf – A Paróquia de Nipoã voltou a ter Vigário.

Foram muitos Vigários que passaram pela Paróquia de Nipoã, como Padre Ângelo, Padre Regino (1952), Padre Vicentino que celebrava as missas no terceiro Domingo de cada Mês.

De 1962 até 1969 o Cônego Altamiro de Assis serviu nossa Paróquia, celebrava também na zona rural, Capelas do Palmeirinha, Monterinho e Cultivado.

Em Janeiro de 1970 quem assumiu a Paróquia foi o frei José Luíz Braga, que marcou sua passagem com os ensaios que fazia junto aos fiéis antes de cada missa.

DeJaneiro a outubro de 1971, seu sucessor for o Cônego Serra do Amaral.

Novembro de 1971 a Dezembro de 1973 – Padre Edson Alves dos Santos.

De Janeiro a Abril de 1974 – Padre José Viana de Arrais.

De Maio a Agosto de 1974 – Padre Premislaw Kwas.

De Setembro de 1974 a Marco de 1977 – Padre Antônio Maia Araújo dos Santos.

25.08.1977 a 05.03.1978 – Padre João Jorge Korczak.

06.03.1978 a Março de 1980 – Padre José viana Arrais.

Em Março de 1980 a 1983 – Padre Pedro Bujino.

Após Transferência do Padre Pedro, Padre Viana volta dar assistência em nossa Paróquia.

Em 1985 – Tivemos a permanência de dois seminaristas, Celso Aparecido de Almeida e José Luiz Cassimiro, que muito contribuíram nos trabalhos da Paróquia.

1993 a 1995 – Padre Francisco (Chico), que era da Ordem Franciscana.

1995 a 1998 – Padre José Viana Arrais.

18. 01.1998 a 11.02.2001 – Padre Antônio Carlos Santana,mps como administrador Paroquial, juntamente com as irmãs Maria Ângela, mps; Sueli, mps;  e Rosângela, mps; todos da Comunidade Missionária Providência Santíssima em Mococa – SP.

11.02.2001 a 25.05.2008 – Diácono Celso Ricardo Garcia,mps (Comunidade Missionária providência Santíssima); Ordenado padre em 08.12.2002 passa ser o administrador paroquial.

De 31.05.2008 a 13.03.2011 – Padre José Mauricio Herdade Scudelari,mps (Comunidade Missionária providência Santíssima).

20.03.2011 – Padre Antônio Carlos Santana, mps; retornou a nossa Paróquia, juntamente com com os Missionários: Irmã Deigivan, mps; e Irmão Josué, mps; sendo nomeado administrador paroquial pelo Bispo Dom Paulo mendes Peixoto, exercendo até os dias de hoje em Nossa Paróquia.

Breve biografia do padre que mais se destacou junto aos Paroquianos ao longo da história da Diocese.

Padre Celso Ricardo Garcia, mps; Ordenado pela Comunidade Missionária providência Santíssima em Mococa – SP em 08.12.2002, veio como Diácono e após ordenado como administrador Paroquial realizou diversas atividades de destaque durante sua permanência que foi bem atuante. Em julho de 2001  deu início a Semana Jovem, um grande evento de evangelização que movimentou muitos jovens de nossa cidade. Em 09.12.2001 houve a Sagração da Igreja; 09.12.2002 Celebrou sua primeira missa após sua ordenação. Na Segunda quinzena de agosto de 2004 foi implantado o Cerco de Jericó permanecendo até os dias de hoje, juntamente com a Irmã Rosilene e Irmã Ana Rita, também foi realizada a pintura externa da Igreja. 28.04.2006 Padre Celso recebeu o título de cidadão nipoense. 24.12.2006 Celebra  o Jubileu de 75 anos da paróquia. Em Dezembro de 2001 recebemos a Visita de dom Orani João Tempesta para a realização do Crisma de Muitos Jovens e em 15 a 17 de junho de 2007 – Tivemos a visita de dom Paulo Mendes Peixoto, visitando escolas, creche, prefeitura, centro de saúde, Espaço amigo, Reunião com os conselhos Administrativos e Paroquial. Celebrou missa nas Capelas de Nova Brasília, Santos Reis e na Matriz. em 04.11.2006 Foi inaugurada a Capela do Santíssimo Sacramento.

Breve biografia do pároco atual (com data e local de nascimento; seminário onde estudou; data de ordenação; paróquias anteriores e data de posse na paróquia atual):

Pe. Dr. Antonio Carlos Santana

– Pe. Da Comunidade Missionária Providência Santíssima.  Uma Associação de Vida Apostólica de Direito Diocesano da Diocese de São João da Boa Vista São Paulo.

-No dia 05.12.2014 completou 17 anos anos de vida Sacerdotal, Trabalhou em São José do Rio Preto, Cáceres no Mato Grosso e em São Paulo Capital como pároco em Paróquias assumidas pela Comunidade Missionária Providência Santíssima.

-Foi Postulador da Causa de Beatificação do Pe. Donizeti de Tambaú, o processo hoje já está em Roma.

-Fez o Mestrado em Direito Canônico na Assunção de 2004 a 2006.

-Fez o Doutorado Na Pontifícia Universidade Lateranense em 2007/2008

– Foi  Pároco da Paróquia Santa Clara de Assis em Mococa diocese de São João da Boa Vista São Paulo.

-Hoje é Pároco na Paróquia Nossa Senhora Aparecida de Nipoã SP, Diocese de São José do Rio Preto desde de 2011, e é vigário Judicial no Tribunal Eclesiástico Inter Diocesano de Ribeirão Preto – SP

– Leciona Direito Canônico e Antropologia Teológica no Instituto Santa Clara e São Francisco em Mococa.

– Ajuda nas questões Jurídicas da Comunidade Missionária Providência Santíssima e na Diocese de São João da Boa Vista.

Padre: Antônio Carlos Santana.
Nascimento: 12/06/64
Pai: Manuel Santana Neto
Mãe: Ruth dos Santos Santana
Estudos: – Primeira à oitava série: 72-79, ESCOLA Municipal João Ramalho, em Cubatão- SP;
– 80-82 Colegial – Escola Municipal José Bernardes de Lorena em Cubatão SP;
-87- 90 Curso Técnico em Elétrica, Escola Técnica Aristóteles Ferreira, em Santos- SP;
– 91-93 Filosofia nas Faculdades Claretianos em Batatais – SP;
– 93-97 – Teologia, CEARP em Ribeirão Preto – SP.
– 2004-2007 – Mestrado em Direito Canônico em São Paulo – SP
– 2007-2008 – Doutorado em Direito Canônico na Pontifícia Universidade Lateranense em Roma – IT.

Quais os diferenciais da paróquia (o que ela tem que a diferencia das outras. Exemplo: a Basílica, de Rio Preto, tem sinos de tubo alemães; a Redentora tem pinturas do Silva, etc…).

Obras da Paróquia ou ligadas a ela: (creches, escolas, instituições, etc…)
Movimentos religiosos da paróquia (Marianos, Cursilhistas, Jovens, Sagrado Coração de Jesus), etc…

Em Março de 1980 a 1983 na atuação do Padre Pedro Bujino, já havia movimentos atuantes tais como Apostolado da Oração, Congregação mariana e grupo de casais, promoviam encontros de Casais, retiro Espiritual para mariano e pra Filhas de Maria. Em Janeiro de 1998 a 2001 na administração do padre Antônio Carlos Santana, mps; houve uma grande mudança dentro de nossa Igreja, os movimentos pastorais se renovaram, houve formação de ministros da Eucaristia, grupos de coroinhas, catequistas, formação das redes de comunidades, formação dos evangelizadores levando os terços nas residências, um forte movimento dando continuidade até os dias de hoje.

Principais lideranças católicas da paróquia:
Vigários

Capelas (nome das capelas, bairro e endereço de cada uma)

Capela Santo Antônio – Comunidade Santo Antônio, bairro da Nova Brasília e Capela Santos Reis Comunidade Santos Reis (Avenida Felipe Jorge, 190).

Verificar se a Paróquia tem fotos antigas da Igreja e fotos atuais das capelas.

Verificar quem escolheu o padroeiro daquela Paróquia

Em 1904, Dr. Presciliano Pinto de oliveira e seu irmão Manoel Pinto de Oliveira eram proprietários de terras com o Nome de Boa Vista da Cochoeira do Avanhandava, resolveram dar inicío a cidade e a parte religiosa com a colaboração de Bento Velho, contruíram um cruzeiro e o colocaram perto de um rio onde reuniam a população e rezavam o terço em Louvor a Nossa Senhora Aparecida, assim iniciou a cidade, posteriormente foi construída uma capela de barro sendo nomeada Padroeira da Nossa de Nossa paróquia e Cidade.

10497454_978274588850280_7023790997064219638_o

Addthis Facebook Twitter Google+ PDF Online