Paróquia São João Batista

Paróquia São João Batista



Matriz
Terça-feira: 
20h (Projeto Rede de Comunidades)
Quarta-feira: 20h (com Novena de N. Srª. Perpétuo Socorro)
Quinta-feira: 19h
Sexta-feira: 19h
Sábado: 20h
Domingo: 19h

 

Santuário Diocesano Senhor Bom Jesus dos Castores (Bairro Castores)
Domingo: 9h
Todo dia 06 de cada mês: 20h

 

Capelas
Nossa Senhora Aparecida (Bairro Cipó Torto):
2º Domingo do mês às 9h
Santo Antônio de Pádua (Faz. Santo Antônio): 4º Domingo do mês às 9h
Santa Rosa de Lima (Faz. Santa Rosa): 4ª quinta-feira do mês às 20h
São Bento (Estância Jardim Alvorada): 2º sábado do mês às 17h30

Atendimento da Secretaria Paroquial
Segunda feira: 14h às 18h
Terça e Quarta feira: 8h às 12h; 14h às 18h
Quinta e Sexta feira: 9h às 11h; 14h às 18h; 19h30 às 21h30
Sábado: 8h às 12h; 14h às 18h

Confissões:
Quarta feira:
16h às 18h
Quinta feira: 19h30 às 21h30
Sábado: 8h às 12h

Batizados:
Paróquia São João Batista: 2º Domingo do mês, às 8h
Santuário dos Castores: 3º Domingo do mês, às 10h30

A Paróquia São João Batista compreende toda a extensão do Município de Onda Verde, contendo inclusive em seu território o Santuário Diocesano Senhor Bom Jesus dos Castores, o qual foi elevado à dignidade de Santuário no ano de 2003, por S. Eminência Revma. Dom Orani João Cardeal Tempesta, O.Cist. Pertence à Diocese de São José do Rio Preto e foi erigida canonicamente no dia 07 de setembro de 1968, por S. Exª. Revma. Dom José de Aquino Pereira, então Bispo Diocesano de Rio Preto.

Antes de se tornar Paróquia, a então Capela São João Batista pertencia à Paróquia São Benedito da cidade de Nova Granada, a qual era atendida e administrada pelos Padres Agostinianos.

Após a criação canônica da Paróquia São João Batista de Onda Verde, muitas sementes foram lançadas nesta terra, inclusive existem dois padres e um seminarista naturais deste chão. Porém, apesar do título de Paróquia, num período de 40 anos, Onda Verde nunca contou com um pároco residente e efetivo, sempre contava com o atendimento semanal de padres que na maioria das vezes exerciam o ofício de reitores do Seminário Diocesano de São José do Rio Preto, quando não, contava com o atendimento de padres residentes em Paróquias vizinhas.

Nessa época, merece destaque o Pe. Nino Carta, que atuou como Administrador Paroquial de Onda Verde e nesse período houve contato direto e construtivo com os seminaristas do Seminário Maior Sagrado Coração de Jesus, de onde o sacerdote era reitor. Tal contato gerou um importante trabalho com os paroquianos ondaverdenses, enriquecendo a participação na liturgia, coral e catequese. Também no período em que esteve no município, o Pe. Nino foi responsável pela realização de encontros com casais e equipes de Nossa Senhora, fator determinante para trazer para a comunidade um grande número de famílias, a ponto de se tornar necessária a ampliação da Igreja Matriz, realizada no período de apenas 12 meses, durante o ano de 1995.

Mas foi no ano de 2008 que o sonho de se possuir um sacerdote residente em Onda Verde começou a se tornar realidade. O então Bispo Diocesano de São José do Rio Preto, Dom Paulo Mendes Peixoto, decidiu enviar um Diácono recém-ordenado para realizar seu estágio diaconal na Paróquia de Onda Verde: o jovem Alexandre Ferreira dos Santos, com apenas 25 anos de idade, o qual foi ordenado Presbítero 6 meses depois, em 20 de fevereiro de 2009. No 01º dia de março de 2009, Pe. Alexandre Ferreira dos Santos foi nomeado Pároco de Onda Verde, recebendo juntamente com esse ofício a incumbência de residir na nova Casa Paroquial inaugurada em 25 de agosto de 2008 pelo então Administrador Paroquial de Onda Verde, Pe. José Carlos dos Santos, que também era Pároco da cidade vizinha de Altair.

A chegada e permanência do Pe. Alexandre Ferreira em Onda Verde foi marcada por grande esperança e entusiasmo, porém, também por inúmeros desafios, inclusive em nível econômico. A Paróquia encontrava-se carente de infraestrutura, principalmente no que diz respeito a um local próprio onde as crianças, adolescentes, jovens e adultos pudessem realizar os encontros de catequese e reuniões de pastoral. Foi então que no final de 2009 o atual pároco, juntamente com o Conselho Paroquial de Assuntos Econômicos, lançou a proposta a toda a população católica ondaverdense de se construir um Centro Catequético para a cidade, cuja obra iniciou-se em setembro de 2010. Com muito emprenho e participação de todo o povo, foi construído, por ocasião do Ano Sacerdotal, o denominado Núcleo de Educação da Fé e Atendimento Comunitário “São João Maria Vianney” (NEFAC), o qual teve seu término no dia 22 de fevereiro de 2013 e foi inaugurado oficialmente em 07 de setembro do mesmo ano, com a presença e presidência de S. Exª. Revma. Dom Tomé Ferreira da Silva, Bispo Diocesano de São José do Rio Preto, quando a Paróquia São João Batista de Onda Verde comemorava seu Jubileu de Safira, isto é, “45 anos anunciando o Cordeiro de Deus”.

Atualmente, a Paróquia São João Batista de Onda Verde conta com uma infraestrutura considerável, com carro paroquial próprio, pároco residente e diversas pastorais e movimentos estruturados, com lideranças formadas. A participação do povo é notável e profícua, pois afinal, conta com cristãos comprometidos com o Evangelho e com o Projeto de evangelização da Diocese.

Paróquia São João Batista 1 externa Santuário Castores 3 

Matriz São João Batista

 

 

 

 

Santuário Castores 1 Santuário Castores 2 Paróquia São João Batista 2 interna 

Santuário Senhor Bom Jesus dos Castores

 

 

 

 

Capela Cipó Torto 1 NEFAC Onda Verde

Foto 1: Capela Nossa Senhora Aparecida (Cipó Torto)
Foto 2: NEFAC – Núcleo de Educação da Fé e Atendimento Comunitário “São João Maria Vianney

Addthis Facebook Twitter Google+ PDF Online