Igreja no Mundo › 20/12/2016

Pesar do Papa

O Papa Francisco – por meio de um telegrama assinado pelo Cardeal Secretário de Estado – manifestou o seu pesar pelas vítimas do atentado ocorrido no anoitecer de segunda-feira em Berlim.

“Com profunda comoção o Santo Padre Francisco veio a saber do terrível ato de violência ocorrido em Berlim, no qual – além do considerável número de feridos – muitas pessoas encontraram a morte”, diz a mensagem endereçada ao Arcebispo de Berlim, Heiner Koch.

Sua Santidade expressa a própria participação no luto dos familiares, “expressando a própria compaixão e assegurando a sua proximidade em sua dor”.

Ademais, o Santo Padre em sua oração “confia os falecidos à misericórdia de Deus, suplicando a Ele também a cura dos feridos”.

Na mensagem o Papa Francisco também agradece os serviços de socorro e de segurança pelo esforço ativo e une-se a todos os homens de boa vontade que se empenham  “para que a loucura homicida do terrorismo não encontre mais espaço em nosso mundo”.

Neste sentido, Sua Santidade implora de Deus Pai misericordioso a consolação, a proteção e a bênção consoladora.

Brasileira em Berlim

A comunidade brasileira presente em Berlim é muito grande. A Rádio Vaticano contactou a gaúcha Natália Vitola, que nos falou sobre a atmosfera que se vive em Berlim com os atentados:

Pesar do Papa por assassinato de embaixador russo na Turquia

O Papa Francisco recebeu com pesar a notícia do violento ataque ocorrido esta segunda-feira (19/12) em Ancara, que resultou na morte do embaixador russo na Turquia, Andrei Karlov.

No telegrama em nome do Papa, assinado pelo Cardeal secretário de Estado, Pietro Parolin, enviado ao presidente russo, Vladimir Putin, o Santo Padre envia condolências a todos os que choram esta perda, em particular, aos membros da família do embaixador Karlov.

“Ao recomendar sua alma a Deus Todo-Poderoso, o Papa Francisco assegura a todo o povo da Federação Russa suas orações e solidariedade espiritual neste momento”, lê-se no telegrama.

Já na parte da manhã desta terça-feira o secretário das Relações com os Estados, Dom Paul Richard Gallagher, havia telefonado ao embaixador russo junto à Santa Sé, Alexander Avdeev, para expressar as condolências pelo homicídio do embaixador russo na Turquia, Andrei Karlov.

Addthis Facebook Twitter Google+ PDF Online

Deixe o seu comentário

Você deverá estar conectado para publicar um comentário.