Igreja no Mundo › 24/07/2017

Vaticano

A Unidade de Análise Financeira (UAF) do Chile e a Autoridade de Informação Financeira (AIF) da Santa Sé, assinaram um Memorandum de Intenções (MOU, sigla em inglês), para facilitar a troca de informações de inteligência financeira para prevenir e combater lavagem de dinheiro, o financiamento ao terrorismo e a proliferação de armas de destruição em massa.

Esse compromisso baseia-se na Carta e no Guia de princípios do Grupo Egmont, e na Recomendação N. 29 do Grupo de Ação Financeira Internacional (GAFI) sobre Unidades de Inteligência Financeira.

O Memorandum subscrito facilitará a análise de casos em que exista suspeita dos delitos de lavagem de dinheiro, financiamento ao terrorismo e proliferação de armas.

Outrossim, servirá de base para uma cooperação recíproca construtiva, que promoverá a transparência e integridade dos setores financeiros e econômico mundial.

Neste contexto é que o Memorandum coloca ênfase especial na proteção da informação compartilhada, por meio de mecanismos que garantam a segurança e a confidencialidade, e também que  somente será usada para o fim para o qual foi solicitada ou proporcionada.

O documento foi firmado pelos Diretores da UAF do Chile e da AIF da santa Sé, Javier Cruz e Tommaso Di Ruzza, respectivamente. (je)

Addthis Facebook Twitter Google+ PDF Online

Deixe o seu comentário

Você deverá estar conectado para publicar um comentário.